Associação Humanitária de

Bombeiros Voluntários de Ourém

B.V. Ourém   249 540 500    B. V. Ourém 
C. S. Ourém   249 540 630    C. S. Ourém 
P.S.P. Ourém   249 540 440    P.S.P. Ourém 
G.N.R. Ourém   249 540 310    G.N.R. Ourém 

Índice do artigo

 

[ 1930 - 1939 ]

 

 

Fazendo juz ao símbolo da Fénix presente no emblema, os Bombeiros de Vila Nova de Ourém renascem nos anos 30 do século XX. Em 1932, Alfredo Viana de Sousa Leitão, Carlos Emídio Pereira, José de Sá Ribeiro e José Maria Pereira, reorganizam a Corporação, elegendo-se a Direcção.

Coincidindo com este entusiasmo inicial, a lista de sócios inscritos em 1932 comportava 146 nomes, que pagavam uma quota anual de 2$50 escudos.

Em 6 de Março de 1933, a Corporação de Vila Nova de Ourém é admitida como sócia da Liga dos Bombeiros Portugueses, tendo sido a sexta Corporação do Distrito a fazê-lo.

 

O Jornal O Século, de 5 de Novembro de 1933 noticiava a propósito do Concurso de Bombeiros em Santarém, com a participação de “numerosas organizações das mais activas e beneméritas”, que os Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Ourém se iriam fazer representar por “catorze homens, sob o comando do instrutor sr. António Pedro da Costa.

Noticia premonitória esta, já que no dia 5 de Novembro os Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Ourém, obtiveram o primeiro lugar, bem como foram os que menos tempo gastaram nos exercícios realizados.

 

 

 

img publicacao historia 08

 

 

 

Os anos 30 marcam o inicio de uma tradição desportiva que se iria manter por longos anos, criando à volta da sua equipa de Basquet um carinho e prestigio especiais.

A primeira prova oficial, disputada em Leiria, foi o Torneio Estímulo, cujos jogos tiveram lugar em 1934, tendo sido vencedora a equipa de Vila Nova de Ourém.

Durante três anos seguidos, o Grupo Desportivo dos Bombeiros Voluntários de Vila Nova de Ourém conquista brilhantemente o título de campeão regional.

 

 

Em 1935, os magros proventos da instituição saem ligeiramente reforçados, já que, em virtude do apoio dado aos peregrinos nos dias de grande afluência a Fátima, é recebido “um oficio do senhor Bispo de Leiria, no qual é feita a cedência dos terrenos pertencentes ao Santuário de Fátima para recolha de carros no dia doze do corrente com autorização de cobrança de taxa de cinco escudos por cada carro entregue à guarda dos Bombeiros.

 

Em 24 de Março de 1936 é nomeado pela Camara Municipal um Segundo Comandante ou Imediato, para que permanecesse regularmente em Vila Nova de Ourém. Segundo o Boletim da Junta Geral do Distrito de Santarém, a corporação tinha “22 homens, com o apoio de um auto pronto-socorro e mais duas viaturas auxiliares”.

 

 

img publicacao historia 09

 

 

No dia 20 de Julho de 1938, na Assembleia Geral da Associação Humanitária dos Bombeiros voluntários desta Vila, foi lida uma carta de José Andrade da Fonseca Rito comandante da corporação, alegando que, por virtude dos seus afazeres particulares, lhe era impossível continuar á frente da Corporação. Pelos serviços prestados à Associação, e sob proposta do então presidente da Direcção, Dr. Ângelo Tamagnini, que irá ocupar o cargo de Comandante, foi-lhe conferida a distinção de comandante Honorário.

Em 1939 os Bombeiros de Vila Nova de Ourém, saem pela primeira vez em missão fora do Conselho para irem auxiliar os seus colegas de Tomar, num incêndio que deflagrou no dia 11 de Dezembro, numa fábrica de cerâmica.

 

 

 

Pesquisar no Site

Últimas Ocorrências

  -    7 Incêndios   -  5 Acidentes rodoviários  - 279 Emergências Pré hospitalares - 496 Serviços de transporte de doentes  - 134 Serviços de apoio e formação       ________________________________________________ Total  921 Ocorrências - 90358 quilómetros percorridos
  -    10 Incêndios   -  8 Acidentes rodoviários  - 261 Emergências Pré hospitalares - 503 Serviços de transporte de doentes  - 120 Serviços de apoio e formação       ________________________________________________ Total  902 Ocorrências - 87231 quilómetros percorridos
  -    5 Incêndios   -  2 Acidentes rodoviários  - 186 Emergências Pré hospitalares - 481 Serviços de transporte de doentes  - 120 Serviços de apoio e formação       ________________________________________________ Total  794 Ocorrências - 69284 quilómetros percorridos
More inOcorrências